Empresário e irmãos presos na 'Operação Quinto Mandamento' em Três Lagoas

Por hoje mais foto policia civil - 11/06/2019 17:41

Um empresário de Três Lagoas, e dois irmãos que não tiveram os nomes revelados foram presos durante a Megaoperação 'Quinto Mandamento' deflagrado na manhã desta terça-feira (11) pela Polícia Civil com apoio do Garras, Polícia Militar, além de cinco aeronaves.

Ao todo foram cumpridos 14 mandados de prisão, um de busca e apreensão em 12 residências e sete bairros de Três Lagoas; nove pessoas presas somente na região do conjunto residencial Orestinho e Novo Oeste. 

De acordo com a Polícia Civil foram apreendidas durante o operação, cerca de 300 gramas de cocaína, além de porçoes de maconha.

A ‘Operação que Quinto Mandamento’, versículo da Bíblia Sagrada “Não Matarás” segundo a Polícia Civil visa esclarecer o assassinato de Jackson Ribeiro Sampaio, o “Cara de Rato”, em agosto de 2017, além de outras três tentativas de homicídio ocorridas em 2019 através do ‘Tribunal do crime’.

“Surgiu informações na época, de que o empresário teria encomendado alguns integrantes do PCC para executar o jovem autor de furtos de baterias de caminhões para custear o vício. A vítima foi torturada e depois executada. A Polícia não descarta a participação de mais pessoas no crime", disse o Delegado Regional Rogério Makert na coletiva de imprensa.

Todas as pessoas presas serão interrogadas na 1ª e 2ª Delegacias de Polícia Civil. Quase 100 policiais participaram da megaoperação na cidade.