Piloto fica inconsciente por 40 minutos durante voo de solo na Austrália

Por uol e extra - 13/05/2019 16:19

Uma investigação do Escritório de Segurança de Transportes da Austrália descobriu que um piloto trainee de avião ficou 40 minutos inconsciente durante o voo e perdeu, assim, várias chamadas de controle aéreo no trajeto entre Parafield até Port Augusta.

Na apuração, o comandante destacou que não havia dormido bem na noite anterior, em razão de um resfriado, nem tomado café da manhã naquele dia. Havia consumido apenas uma barra de chocolate, um drink energético e água.

A 5.500 pés de altitude, o piloto ficou com dor de cabeça e ligou o modo automático de pilotagem. Pouco depois, ficou inconsciente e não respondeu a sucessivas tentativas da torre de comando de contatá-lo, segundo o órgão de segurança.

Outro piloto, de seu avião, avistou a aeronave e reportou que o colega havia retomado a consciência.

Constatado o fato, a escola de pilotos decidiu reforçar os ensinamentos sobre descanso e gerenciamento de fatiga. Os estudantes deverão ainda reportar como dormiram nas últimas 48 horas e como se alimentaram.

A foto de capa é de uma Aeronave Diamond DA40 como a que se envolveu no incidente aéreo em Adelaide