Nadador britânico quebra próprio recorde nos 100 metros peito

Por gazeta esportiva/ foto Oli Scarff/AFP) - 22/07/2019 00:13

Neste domingo, na semifinal do Mundial de natação de Gwangju, na Coreia do Sul, o novo recorde mundial dos 100 metros peito masculino em piscina longa foi estabelecido. O britânico Adam Peaty completou a prova em 56s88 e superou a melhor marca anterior, também estabelecida por ele.

Com a nova marca, Peaty se tornou o primeiro nadador a completar os 100 metros peito em menos de 57 segundos. Até então, o recorde mundial era de 57s10, estabelecido pelo britânico no Campeonato Europeu de 2018 em Glasgow, na Escócia.

Adam Peaty também é o atual campeão olímpico da modalidade. Nos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, o britânico conquistou a medalha de ouro ao marcar 57s13 na final, estabelecendo o atual recorde olímpico e o recorde mundial da época.

Depois da prova, o britânico comemorou a nova marca. “Não há outra palavra para falar deste tempo do que ‘inacreditável’. Vinha buscando isso há três anos”, disse o nadador de 24 anos. “Desde que toquei na parede na Olimpíada do Rio eu sabia que podia ir mais rápido”.

Adam Peaty é o grande nadador dos 100 metros peito na atualidade. O britânico não perde há cinco anos em competições de grande porte. Na semifinal deste domingo, ele superou em dois segundos o compatriota James Wilby e o japonês Yasuhiro Koseki. Na outra semifinal, o chinês Yan Zibei foi o vencedor com tempo de 58s67, estabelecendo novo recorde asiático.