Servente vai para a cadeia acusado de tentar estuprar estudante de 20 anos em Andradina

Por redação com informações da polícia - 04/12/2018 15:37

O servente de pedreiro Gustavo Tibúrcio de Lima, 22 anos, morador na rua Dionísio Alves Siqueira, em Nova Independência, foi preso na noite desta segunda-feira 3, acusado de tentar estuprar uma estudante de 19 anos, em Andradina.

De certo prisma, o caso soa estranho e de acordo com uma fonte exige uma investigação mais apurada da Polícia Civil, que enquadrou o servente também por violência doméstica e lesão corporal [BO 1705/2018].

Segundo registro, Gustavo Lima foi esfaqueado pela suposta namorada C.C.S. na estrada que demanda o sítio Guaramiranga, depois de uma briga após flagrar a estudante trocando mensagens, via celular, com outro rapaz. Ela alega não ter nenhuma relação com o acusado.

Os dois discutiram, conforme a versão do servente, e ele foi golpeado com uma faca por C.C.S. Mesmo ferido tomou a arma da estudante, que não soube informar para onde havia ido.

Em seguida surgiu a informação de que uma mulher, neste caso a estudante, chegara ao Motel Vips com ferimento a faca e pedindo ajuda.

Aos policiais ela afirmou que na saída da escola o servente passou a segui-la e ordenou que fosse rumo à estrada rural. Supostamente ambos usaram uma moto uma vez que a jovem narrou que em determinado momento o servente caiu e ameaçou matá-la caso não ficasse com ele.

Após se desvencilhar de beijos, a estudante usou uma faca para golpear Gustavo Lima numa mão e posteriormente no pescoço, fugindo em seguida rumo ao motel. Após receberem atendimento médico o servente foi preso. A PM apreendeu um canivete durante a ação.